Coluna do Servidor – O Dia

Aula na rede estadual: R$13,06 ou R$11,61 a hora
Coordenadores do Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação (Sepe) se encontram hoje com os secretários estaduais de Educação, Wilson Risolia, e de Planejamento, SérgioRuy Barbosa. A expectativa é que o governo apresente novidades para os funcionários administrativos, pois há reconhecimento que, mesmo com antecipação do pagamento de todas as parcelas restantes do
Nova Escola, o salário do grupo ainda está defasado.
O sindicato vai apresentar aos secretários estudo do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Sócio- Econômicos (Dieese) que aponta quadros de reajuste e valores da hora-aula diferentes das apresentadas pelo governo.
Segundo o Dieese, o estado paga R$ 11,61, por hora, ao docente em carreira inicial e com graduação.
O estudo aponta que os municípios do Rio de Janeiro e de Duque de Caxias pagam R$19,05 e R$ 30,09, respectivamente.
Já no CAP-Uerj, a hora é R$ 18,33 e no Colégio Pedro II, R$ 17,07. O valor mínimo pago nas unidades particulares é deR$ 13,31 e o máximo chega a R$ 45,99. O Sepe afirma que a hora-aula do Estado do Rio de Janeiro é uma das menores do País. A Secretaria Estadual de Educação discordou do estudo do Dieese. Segundo ela, o valor é de R$ 13,06, e a horaaula paga aos professores está acima da média nacional.
Sobre os demais municípios, a pasta argumentou que muitas cidades ainda não assumiram
os alunos do 1º Segmento do Ensino Fundamental.
E completou alegando que estado e municípios têm orçamentos diferentes.

e-mail: servidor@odianet.com.br
ALESSANDRA HORTO

Posts recentes