Jorge Roberto Silveira (PDT) reúne aliados para fortalecer sua candidatura

O Fluminense
Anderson Carvalho

O pré-candidato a prefeito de Niterói pelo PDT, Jorge Roberto Silveira, reuniu-se ontem com líderes municipais e regionais dos partidos que o apóiam, como o PPS, PP, PSC, PTdoB, PRB, PMN, PTB, PV, PSL, PTC , PR e PSDC. O objetivo, segundo o pedetista, foi fortalecer a coligação e montar as alianças na proporcional, visando à formação das nominatas para vereador.

“A campanha eleitoral não é feita apenas de acordos políticos. Tem que haver afinidade de ordem pessoal. Esses encontros facilitam o convívio. Faremos isso várias vezes. Servirão ainda para resolver problemas, como por exemplo se algum pré-candidato a vereador desistir de concorrer ou legendas que não queiram se coligar na proporcional. Mas não há diferenças entre nós, estamos unidos”, disse.

A respeito da escolha do companheiro de chapa, Jorge Roberto afirmou que o pré-candidato a vice será definido apenas quando todo o arco de alianças estiver completo.

Para o deputado estadual Comte Bittencourt (PPS), presente no evento, o encontro foi importante para a definição das alianças na proporcional.

“A partir daqui sairão as alianças. As pessoas precisam se conhecer. Jorge Roberto tem mais da metade dos partidos organizados da cidade, além de 50% do Poder Legislativo atual (três vereadores do PDT, três do PPS, dois do PP e um do PSC) e quase 250 pré-candidatos a vereador”, calculou.

Com relação ao programa de governo que apresentará em sua campanha, Jorge Roberto contou que citará as realizações dos três mandatos em que foi prefeito (1989-1992, 1997-2000 e 2001-2002) e onde avançará.

“Se eu for eleito, dois meses depois a população terá uma surpresa. Tenho experiência e conheço os problemas do município, mas o primeiro passo é ganhar a eleição”.

Compareceram também ao almoço os presidentes municipais do PP, vereador Carlos Alberto Magaldi; do PSL, Jacy Lopes; do PMN, Paulo Rosa; do PTC, Zalmires Costa; do PPS, Sebastião Paixão; do PDT, Eva Ramos; do PR, Flávio Gomes Pereira; do PRB, Roberto Catarino; do PSC, vereador Betinho; e do PSDC, Luiz Amaral; além do vice-presidente do PTB, Pedro Castilho; dos vereadores José Vicente Filho, Paulo Bagueira, Marival Gomes (todos do PPS), Felipe Peixoto, Zaff (ambos do PDT) e Milton Cal (PP); o presidente estadual do PTdoB, Vinícius Cordeiro, e o presidente do diretório municipal do PTdoB, Fernando César da Costa, entre outros.

Tunico diz que dissolveu comissão municipal do PSL

O presidente regional do PSL, Tunico de Souza, disse ontem que a comissão provisória que comanda o partido em Niterói foi destituída no sábado. Ainda segundo Tunico, quem passaria a responder pelo diretório municipal é Jocimar Custódio Gomes. Tunico garantiu também apoio ao petista Rodrigo Neves, que disputará a Prefeitura.

Apesar disso, Jacy Lopes compareceu ontem à reunião do pedetista Jorge Roberto Silveira com aliados, representando o PSL. Ele disse desconhecer que tenha sido destituído pela direção estadual. Jacy conta que falou com Tunico pela última vez na sexta-feira e que teria sido informado de que haveria mais uma reunião da Executiva estadual.

Tunico confirmou a reunião que aconteceu no sábado, mas se recusou a entrar em detalhes sobre seu resultado, dizendo que era uma questão municipal.

“Confirmo sim”, limitou-se a dizer, quando perguntado se houve realmente a intervenção.

Jocimar não foi localizado até o fechamento desta edição, mas através de nota divulgada pela assessoria do petista Rodrigo Neves, informava que “a decisão foi tomada após avaliação de que Rodrigo representa o futuro de Niterói”. O texto diz ainda que Jocimar considera que os apoios do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do governador Sérgio Cabral Filho mostram a força da candidatura. Rodrigo comemorou a adesão.

“É muito bem-vindo o apoio do PSL, através do novo presidente”, comentou.

A informação foi confirmada após encontro do PDT, por isso, Jorge Roberto não se manifestou sobre o assunto. (Fábio Malta)

Posts recentes