É grande a procura por vagas de professor e diretor na rede estadual

A procura pelo concurso público para o preenchimento de vagas e formação de cadastro de reserva para professores da rede estadual está a todo vapor. Em 15 dias, foram mais de 17 mil inscritos, sendo oito mil para a vaga com carga horária de 30h semanais e 9 mil para a de 16h semanais. As inscrições estão abertas desde o dia 6 de outubro e seguem até o dia 6 de novembro.

– Toda essa procura demonstra que a carreira está sendo valorizada e que o Estado está trabalhando em prol dos servidores e dos professores – afirma o subsecretário de Gestão de Pessoas da Secretaria de Educação, Luiz Carlos Becker.

Esse concurso, a cargo da Fundação Centro Estadual de Estatísticas, Pesquisas e Formação de Servidores Públicos do Rio de Janeiro (Ceperj), convocará Docentes I /16h e 30h. O vencimento inicial são respectivamente de R$ 877,91 e R$ 1.646,07.

– A medida tem como objetivo fidelizar. O aumento da carga horária vai permitir o maior convívio do professor com os estudantes e maior articulação com a comunidade escolar – explica o secretário de Educação, Wilson Risolia.

Além desse concurso, o processo seletivo interno de diretores e diretores-adjuntos também teve grande procura. As inscrições foram até o dia 19 de outubro para 63 vagas de diretores e 190 de diretores-adjuntos em diversas diretorias regionais.

– Isso é a prova da democracia na escolha dos gestores da Seeduc. O cargo de diretor é essencial e quem o assume deve estar preparado e capacitado para a gestão – diz Luiz Carlos Becker.

Em média, são 17 candidatos por vaga na disputa pelo cargo de diretor e cinco candidatos por vaga para diretor-adjunto. O processo seletivo é composto de análise de currículo, prova, entrevista e treinamento.

 A mobilidade é um dos aspectos fundamentais no processo de seleção para cargos da Seeduc.

– Por exemplo, “se uma diretora de escola por necessidades pessoais muda de município e é uma excelente gestora, por que não candidatar-se para a direção em uma outra unidade escolar? É um processo onde o único interesse é do próprio candidato”, explica Becker.

Jornal do Brasil On Line

Posts recentes