Comissão quer explicações sobre investimentos em Tecnologia da Informação

Denúncias recebidas pela Comissão de Educação mostram, através de pesquisas realizadas por professores, que centenas de Escolas Estaduais não utilizam os equipamentos que foram alugados pela Secretaria de Estado de Educação desde 2008.  O deputado Comte Bittencourt (PPS), presidente da Comissão, visitou o Ciep Raul Ryff, em Paciência e encontrou uma sala fechada com cerca de 30 computadores, que nunca foram usados. “A pesquisa realizada em 217 escolas estaduais mostra que 90% desses equipamentos, alugados para dar suporte aos professores em sala de aula, ainda estão encaixotados. Estamos falando da aplicação do dinheiro público”, disse o parlamentar.

Os representantes da Seeduc informaram que modificaram toda a estrutura e fizeram um novo contrato de aluguel desses equipamentos, conseguindo, em 2 anos, economizar cerca de R$ 80 milhões. Quanto aos computadores que estão no Ciep de Paciêcia, eles acreditam que são aparelhos que foram entregues sem as especificações combinadas no novo contrato, impossibilitando o uso.  “A fragilidade no acompanhamento dos equipamentos existentes na rede estadual é, seguramente, uma das questões que gera o  desperdício de dinheiro público. Estamos falando de falta de controle. Por mais que a secretaria venha se aperfeiçoando fica claro que há uma falha”, afirmou Comte.

O deputado Comte Bittencourt pediu a equipe da secretaria um relatório mostrando o parque tecnológico de cada unidade escolar, o que de fato foi contratado pela Seeduc e que está sendo pago pelo Estado. “Assim a Comissão de Educação poderá fazer a devida fiscalização”, concluiu.

Também estavam presentes na audiência pública deputados membros da Comissão e representantes do Sepe e da Uppes.

 

Posts recentes