Em 18 de agosto, 2010, por Hyury

Professora da UCP lança livro sobre o Plano Estadual de Educação

Blog Vida Universitária  

“Plano Estadual de Educação Rio de Janeiro – a Trajetória de uma Legislação” é o título do mais recente livro da professora Phd Maria Celi Chaves Vasconcelos, diretora do Centro de Teologia e Humanidades da Universidade Católica de Petrópolis e professora da Uerj, em conjunto com as professoras Phds Bertha de Borja Reis do Valle (UERJ) e Janaína Specht da Silva Menezes (Unirio). Lançado na noite da última segunda-feira (16/08) no salão nobre da UCP, o livro é leitura obrigatória para quem pensa a educação como política pública indispensável para o desenvolvimento do Brasil e procura entender os moldes de educação concebidos no país.

Durante o evento, o presidente da Comissão de Educação da Alerj, deputado Comte Bittencourt, fez palestra sobre como o PEE – o primeiro do Estado do Rio – foi articulado junto à sociedade civil para que pudesse garantir uma política de educação independentemente de quem ocupe o governo executivo ou legislativo. “A sociedade fluminense começa a se apropriar da educação como um bem. Neste plano, buscamos corrigir metas e cronogramas tendo como exemplo o Plano Nacional de Educação, que completou 10 anos, a partir de cinco grandes eixos”, explicou o deputado.

Os cinco eixos temáticos estaduais foram definidos como a educação básica, o ensino profissionalizante, o ensino superior, a valorização do profissional de educação e o financiamento da educação pública. Após uma série de encontros e audiências públicas que culminaram em um grande encontro com mais de 2 mil professores no estádio Caio Martins (Niterói) em 2008, o documento estadual foi finalmente aprovado em 2009 pela Assembléia Legislativa depois de oito anos do início das determinações jurídicas para a sua criação.

Todos estes registros estão presentes no livro, juntamente com a íntegra do PPE. As três autoras foram componentes da comissão técnica montada pelo deputado Comte Bittencourt durante a concepção do documento e acompanharam o nascimento da nova lei. “Vamos recolher algum resultado da aplicação desse plano no final da década. Que ele possa ser um grande pacto da sociedade fluminense, como uma ?cartilha da educação?, acompanhado por todos”, finalizou o deputado.

A professora Maria Celi agradeceu à UCP por ser o espaço de lançamento do livro, o que “mostra o compromisso da instituição com a educação de uma forma abrangente”. Membro do Conselho Estadual de Educação, o reitor da UCP, engenheiro José Luiz Rangel Sampaio Fernandes lembrou que uma das discussões presentes nos fóruns do Conselho é a da falta de motivação da juventude que não assume o desafio e a responsabilidade de preparar as novas gerações. “Acompanho o trabalho da professora Maria Celi, sua luta pessoal desde 2002. A UCP se identifica com as propostas que resgatam e valorizam a educação e o papel do professor”, disse o reitor.

Trajetória

@comte_educacao

Informativos em PDF

Fique por dentro do boletim informativo Comte, clique e veja.