Em 18 de março, 2011, por Hyury

Estado chama 11 mil professores e paga gratificação a outros dez mil

DOCENTES CONVOCADOS ESTAVAM PARADOS. BÔNUS DO GOVERNO SERA DE ATE R$ 500
Diário Oficial traz hoje todas as condições e o que os interessados devem fazer

Professores voltam para salas de aula
Estado convoca 11 mil docentes a lecionar do 6º  ao 9º ano

O governo do estado publica, hoje, um decreto que recoloca 11.733 professores docentes II em salas de aula. Eles poderão lecionar em turmas do 6º ao 9º ano do ensino fundamental e de nível médio, já que têm a licenciatura necessária para exercer a função. A formação original (curso normal) dava a eles condição dc ensinar apenas aos alunos do 1º ao 5º ano, mas essas turmas foram transferidas para os municípios, e esses professores ficaram sem dar aulas, ocupando outros cargos. Com a licenciatura, eles agora podem lecionar para classes mais avançadas.
Gratificação
Com a mudança, os professores docentes 11 com jornada de 22 horas semanais passarão a cumprir uma carga semanal dc 16 horas. Para os outros 10.200 professores docentes II, que cumprem regime de 40 horas, será paga uma gratificação, que vai variar entre R$ 200 e R$ 500, de acordo com o tempo de serviço. O objetivo é igualar a remuneração desses profissionais à dos que lecionam no segundo segmento do ensino fimdamental (6º ao 9º ano) e no ensino médio.
Para receber a bonificação, é preciso ter um curso dc licenciatura. Desses 10.200, seis mil já têm a qualificação necessária e pediram o reconhecimento.
Carência reduzida
Com o retorno dos professores II às salas de aula, a Secretaria estadual de Educação pretende reduzir a carência de docentes na rede de ensino. Eles serão lotados conforme a necessidade de cada escola.
— Esse é mais um ato do governo do estado em prol da valorização do professor, que é prioridade no planejamento estratégico da secretaria. E um reconhecimento à categoria — afirmou o secretário estadual de Educação, Wilson Risolia.
De acordo com o texto do decreto que sai hoje, a gratificação a ser paga para os professores II de 40 horas que obtiverem a licenciatura e voltarem às salas de aula não será incorporada aos vencimentos básicos nem entrará no cálculo de outras vantagens que tenham como referência o salário-base do professor, como o adicional por tempo de serviço.

Djalma Oliveira
Jornal Extra

Trajetória

@comte_educacao

Informativos em PDF

Fique por dentro do boletim informativo Comte, clique e veja.