Em 19 de maio, 2011, por Hyury

Déficit de professores chega a 12 mil

A Comissão de Educação da Assembléia Legislativa (Alerj) estima em cerca de 12.100 o déficit de docentes na rede estadual de ensino. O número inclui os 3:700 professores que faltam na rede, os oito mil que fazem hora extra — recebendo a gratificação por lotação prioritária (GLP) — e os 400 que estão no quadro de funcionários temporários. O assunto foi discutido ontem em audiência pública na Alerj.
Para o presidente da comissão, Comte Bittencourt (PPS), o baixo salário é o motivo para a falta de professores. Na audiência, o Sindicato dos Profissionais de Educação (Sepe) afirmou que quatro mil professores saem da rede por ano. A Secretaria de Educação discorda do número: diz que são 3.500 e que 90% dos casos são de aposentadoria.

O Globo

Trajetória

@comte_educacao

Informativos em PDF

Fique por dentro do boletim informativo Comte, clique e veja.