Em 11 de outubro, 2009, por Hyury

Crivella sai na frente na disputa para o Senado

O Dia

Se as eleições fossem hoje, senador do PRB estaria reeleito, segundo pesquisa do Gerp

Rio – O senador Marcelo Crivella (PRB) estaria com a reeleição para o Senado garantida se as eleições fossem hoje, de acordo com pesquisa do Instituto Gerp. Com 31% de intenções de votos nos dois cenários pesquisados, Crivella praticamente já teria uma das duas vagas de senador em disputa em 2010, segundo o presidente do Gerp, Gabriel Pazos.

“Estatisticamente, hoje Crivella estaria com a reeleição garantida. A disputa seria pela segunda vaga”, explica Gabriel. O deputado federal Fernando Gabeira (PV) é o que teria a maior chance de ser o segundo senador do Rio. No primeiro cenário, ele obteve 24% de intenções de votos e, no segundo, com Cesar Maia (DEM) e Benedita da Silva (PT) entre os candidatos, Gabeira ficou com 22%.

untitled

“Se Crivella e Gabeira não cometerem nenhum erro até as eleições, os dois podem aumentar suas chances de serem eleitos”, avalia o presidente do Gerp. Para ele, a posição de Crivella se deve ao fato de o senador estar “com visibilidade desde 2002”. “Ele participou de três disputas majoritárias (prefeito do Rio em 2004, governador em 2006 e, novamente, prefeito em 2008) que o deixaram à mostra para os eleitores”, explica.

Uma das surpresas na pesquisa foi a ex-juíza e ex-deputada Denise Frossard (PPS). Apesar de estar afastada da política desde 2004, quando perdeu a disputa para o governo do estado para Sérgio Cabral, Frossard foi a terceira colocada nos dois cenários pesquisados.

“É muito cedo para avaliar a intenção do eleitor, mas não deixa de ser um bom índice”, afirmou o deputado estadual Comte Bittencourt, presidente regional do PPS, sobre a posição de Frossard. Fernando Gabeira disse que não tem o hábito de comentar pesquisas, mas comemorou. “Começar em segundo lugar já é um bom começo. Em geral, costumo começar com 3%, 4%”, disse ele, rindo.

‘GENEROSIDADE’

Crivella atribuiu o resultado “à enorme generosidade do povo do Rio”. “Estar em primeiro lugar aumenta minha responsabilidade”, diz. Já o ex-prefeito Cesar Maia contestou os números. “Tenho pesquisas no mesmo período com números diferentes”, disse Maia, por e-mail.

O quadro para o Senado, porém, pode mudar em 2010 porque Gabeira pode concorrer para governador, em uma coligação que uniria o PV, PPS, DEM e PSDB. Ele disse que até o fim deste mês vai se definir sobre a candidatura. A pesquisa foi encomendada pelo Sindicato dos Petroleiros de Duque de Caxias.

Votação em todas as regiões do estado

Os dados do Gerp mostram que Marcelo Crivella tem intenções de voto consolidadas em todas as regiões do estado. Na Baixada e na periferia do Rio, o senador obteve índices acima da média da sondagem, chegando a 49% em um dos cenários, na periferia carioca.

Fernando Gabeira também obteve bons índices em todas as regiões, especialmente na capital, onde ganha de Crivella nos dois cenários.

O ex-prefeito do Rio, Cesar Maia (DEM), aparece com maior rejeição: 17%, seguido de Crivella e Benedita, com 13% cada. Gabeira é rejeitado por 9% dos eleitores, mesmo índice do presidente da Assembleia Legislativa (Alerj), Jorge Picciani (PMDB). Este atinge apenas o máximo de 4% de intenções de votos.

Para Gabriel Pazos, porém, as intenções de voto em Picciani devem crescer com a campanha. “A máquina do governo pode colocá-lo na disputa”, avalia o presidente do Gerp.

Trajetória

@comte_educacao

Informativos em PDF

Fique por dentro do boletim informativo Comte, clique e veja.